Instalando Bloqueador de Sinais

Esse texto aborda a forma de instalação de embaralhador de sinal WiFi projetado para funcionar na banda de 2.4 GHz, como é de conhecimento geral, é na banda de 2.4 GHz que funcionam a maioria dos dispositivos para distribuição e acesso à internet.

O raio de interferência depende da intensidade do sinal de uma dada área, da potência do embaralhador de sinais e da forma que é instalado o embaralhador se sinais.

Mas para que uma pessoa comum quer um embaralhador se sinais WiFi?

A pergunta é relevante porque quando se fala em uma função que é mal vista por uma parte da sociedade logo se pensa em utilizar aquela função para fazer o mal.

A utilização pode ser desde a segurança da própria casa até onde a imaginação alcançar, imagina a gente descobrir que tem uma câmera IP instalada e desconfia que a área que a câmera monitora está sendo monitorada remotamente por alguém que não deveria estar monitorando.

Com o embaralhador se sinais estrategicamente instalado, somente a câmera em questão pode ser neutralizada através da negação de serviço, pelo menos até um técnico fazer uma visita técnica.

Com o embaralhador não há necessidade de impor horários e ficar naquelas estressantes discussões com membros da família sobre horários de acesso à internet, ao invés de desligar o roteador, instale o embaralhador se sinais próximo do notebook daquele filho(a) teimoso(a), e pronto, sem internet “porque deu um problema” os deveres serão feitos na boa.

E aquele vizinho que pediu a senha do WiFi? Ele continua usando há meses sua internet e você não tem coragem de trocar a senha, basta colocar o embaralhador se sinais entre o seu roteador e o notebook dele e ele não verá mais a sua rede, o que dirá acessá-la.

E aquele seu funcionário que usa o WiFi da empresa e vai ao banheiro a cada meia hora, que tal colocar um embaralhador se sinais no teto do banheiro? As necessidades fisiológicas dele logo irão se normalizar.

São tantas opções e todas dentro das leis, e principalmente, usadas dentro do seu ambiente doméstico ou de trabalho, sem nenhuma restrição do ponto de vista legal.

Um embaralhador de sinal portátil para a faixa dos 2.4 GHZ (2.40 a 2.48) impede a conexão entre o cliente de rede e o ponto de acesso, e pode interferir em outros dispositivos eletrônicos que utilizem a banda de 2.4 GHz.

A distância do embaralhador de sinal e do dispositivo a ter o serviço negado depende de vários fatores: do local onde está o ponto de acesso (Roteador em modo AP), da potência do roteador e, principalmente da localização do embaralhador de sinal WiFi.

Outro detalhe é que a antena deve estar apontada para cima e não para algum alvo de serviço negado, lembrando que não é qualquer antena que serve, mas o alcance pode ser otimizado se uma antena direcional externa for devidamente instalada.

Exemplo prático: roteador posicionado a 5 metros do notebook operando com 23 dBm de potência, com o embaralhador de sinal posicionado a 2.5 metros do notebook de forma que fique entre o notebook e o roteador: há negação de serviço de acesso à internet e em mouse sem fios que operam em 2.4 GHz.

Exemplo de instalação: Embaralhador entre o roteador e o notebook, independente da distância, aqui, como exemplo, 5 metros entre o AP e notebook.

Segundo exemplo prático: roteador posicionado a 30 metros do notebook operando com 25 dBm de potência, com o embaralhador de sinal posicionado a 5 metros do notebook de forma que fique entre o notebook e o roteador: há negação de serviço de acesso à internet e em mouse sem fios que operam em 2.4 GHz.

Exemplo mais eficiente: Quanto mais próximo do notebook mais fácil de bloquear o acesso do notebook à internet.

Terceiro exemplo prático: roteador posicionado a 3 metros do notebook operando com 23 dBm de potência, com o embaralhador de sinal posicionado a 3 metros do notebook de forma que fique entre o notebook e o roteador: há negação de serviço de acesso à internet e em mouse sem fios que operam em 2.4 GHz.

Exemplo não recomendado, mas que pode funcionar dependendo de vários fatores: o embaralhador de sinais está mais próximo do roteador do que do notebook.

Quarto exemplo prático: roteador posicionado em qualquer direção do notebook operando com 18 dBm de potência, com o embaralhador de sinal posicionado a 1.5 metros do notebook, não importa se entre ou no lado oposto: há negação de serviço de acesso à internet e em mouse sem fios que operam em 2.4 GHz.

Na prática, para ser eficiente o local de instalação do embaralhador de sinal WiFi depende de condições técnicas, é como instalar uma antena direcional, ela deve ser estrategicamente posicionada ou não será obtido o efeito desejado, exatamente por isso, um dispositivo portátil acaba sendo mais eficiente do que um equipamento enorme.

Mas se o sinal recebido pelo cliente de rede (notebook ou celular) for médio ou baixo, não é imperativo que o embaralhador de sinal Wifi deva ficar posicionado entre o roteador e o cliente de rede.

A função do embaralhador de sinal WiFi começa a ser executada quando o nível do sinal do roteador é comparado com nível do sinal do embaralhador e o notebook, celular ou câmera IP e o dispositivo não conseguir se comunicar com o roteador (AP).

Tem interesse em adquirir um embaralhador de sinais WiFi? Clique Aqui.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *