Registro Profissional


Como todo profissional autônomo o detetive deverá estar devidamente registrado.

O registro deverá ser feito na prefeitura municipal da localidade onde o detetive resida, devendo o mesmo comparecer ao setor de ISS e solicitar do funcionário as guias para o registro de detetive particular autônomo.

As guias de recolhimento do imposto serão pagas posteriormente, em vários municípios essa atividade é isenta de pagamento de taxas.

O profissional autônomo também deverá comparecer a uma agência do INSS e solicitar sua inscrição como contribuinte individual, e pagar mensalmente, através de um carnê que se compra em papelarias, as contribuições devidas à previdência social, por ser um trabalho de risco, é uma garantia contribuir com a previdência, que por ruim que seja, sempre dá algum tipo de amparo.

O detetive também pode ingressar em uma associação ou sindicato de classe, oficialmente não existe nenhum órgão regulamentador ou fiscalizador da profissão e que seja reconhecido pelos governos nos três níveis.

Em alguns estados brasileiros ainda é obrigatório o registro do detetive na Secretaria de Segurança Pública estadual ou na delegacia municipal.