Compartilhe TV a Cabo

Existem coisas curiosas e dignas de muitas risadas, o assunto ao qual me refiro tem a ver com o fornecimento de sinal de TV via cabo, ou seja, TV a cabo.

Num ambiente público a gente escuta de tudo, dessa vez um cidadão estava reclamando que a empresa fornecedora do sinal de TV tinha codificado os sinal, e que agora ele não podia mais assistir TV em todos os cômodos da casa, claro que não cabe a mim fazer julgamento, mas para tudo existem regras, e geralmente são pré estabelecidas.

Gostando ou não as condições são bem claras e são informadas antes da assinatura do contrato de serviços, portanto considero que ninguém tem o direito de reclamar com o argumento que desconhecia que teria que pagar por pontos adicionais, por pacotes diversos, ou por suporte telefônico.

Em resumo, pode ser questionável, mas achar que a gente tem direitos não é o mesmo que serem concedidos os direitos pleiteados, e quem não pode pagar por TV a cabo, assista a TV aberta mesmo, afinal, existem muito mais cientistas na TV aberta do que nos canais pagos.

Pagando uma assinatura de um plano básico talvez não exista o direito de instalar vários pontos, mas se existirem falhas de segurança, porque não?

Aí surge a pergunta em relação ao que é moralmente condenável ou não, o que é legal ou o que é ilegal, quem tem razão ou quem não tem.

A verdade é que a grande maioria das pessoas é tipo seguidor da Lei de Gérson, tem que levar vantagem em tudo, principalmente querendo se dar bem em cima das empresas que são ricas, e se surgir alguém que seja contra, será taxado como puxa-saco da empresa.

Não defendo e nem sou dono de nenhuma empresa de TV a cabo, mas a verdade é que devido a esse negócio de querer levar vantagem em tudo é que existe um governo corrupto do jeito que sabemos, e continuamos a ver todos os dias nos noticiários, é a velha, conhecida e famosa mentalidade do jeitinho brasileiro, do malandro, do querer se dar bem sempre, e da Lei de Gerson, obviamente que não direi que não me incluo.

Esse texto nada tem a ver com política, mas é bom ressaltar que os males do país são causados nós mesmos, os políticos aproveitadores são apenas um reflexo do que o povo brasileiro é.

Conforme disse, eu também gosto de levar vantagem, claro que sendo de maneira legalizada não terão como me criticar, com a operadora de telefonia VIVO também já burlei o sistema deles que não permitia o compartilhamento de acesso a internet, agora vou dar a dica de como distribuir sinal a cabo sem que seja considerado “roubo”, portanto, totalmente legal, a solução é extremamente simples e não será pago nada a mais, e nem terá importância se o sinal é codificado ou não.

Pegar o sinal antes do decoder é considerado “roubo”, portanto é ilegal, mas colocar um ponto escravo em outro cômodo é simples, então é só sintonizar o canal no decoder onde fica a primeira TV, e pegará no outro cômodo também, aí serão dois pontos e apenas um será pago, e dentro da legalidade.

Esse tipo de ligação consiste em ligar na saída do decoder fazendo um Y e ligando na TV de um aposento uma das pontas na outra ponta deste Y ligar a outra TV, dessa forma é possível assistir qualquer canal que não seja codificado, independente do decoder ser ligado pelo tuner da TV, além disso, dá para colocar um vídeo-K7 ou um gravador de DVD e transmitir via cabo para outros aposentos, e quando quiser assistir um canal codificado, é só assistir pela S-Video do gravador de DVD, que não precisa ficar gravando, ele pode ficar na condição de espera, dessa forma um decoder pode servir para dois aposentos e ainda fica com programação independente para os canais não codificados na TV.

Se existirem muitas TVs, pode ser instalado um vídeo-link na saída S-VIDEO do DVD e ele fará a transmissão sem limitação do número de pontos de TV, com esse tipo de ligação o sinal transmitido é compartilhado com todo aparelho que sintonizar a freqüência do vídeo-link.

Acesse o Canal Ibytes no Youtube
Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

BLOQUEADOR DE ANUNCIOS DETECTADO!

Detectamos que você está usando uma ou mais extensões para bloquear anúncios.

Por favor, coloque www.ibytes.com.br na lista de permissões.

Nossos anúncios não são invasivos e a renda com os anúncios é destinada a pagar hospedagem e demais custos para manter um site visível na rede mundial de computadores.

E você deve ficar sabendo de algo que os criadores de bloqueadores de anúncios não informam, mas ele capturam seus dados, sua localização, suas preferências e tudo mais relacionado a você e vendem essas informações para terceiros.

Ou você acha que eles trabalham de graça? A motivação é obter seus dados para comercializar.

www.ibytes.com.br não captura informações de seus usuários, apenas exibe anúncios como forma de pagar parte das despesas relacionadas ao site.

Veja aqui nossa política de privacidade.

Caso você prefira, existe a possibilidade de navegação sem anúncios com acesso pago, caso tenha interesse, escolha uma das opções abaixo:

Para contato direto com responsável pelo website Ibytes e pelo do canal Ibytes no Youtube através do Telegram, clique nesse link.

Para contato direto com responsável pelo website Ibytes e pelo do canal Ibytes no You Tube através do WhatsApp, clique nesse link.

Assuntos que não tem nada a ver com os assuntos do website Ibytes e do Canal Ibytes no Youtube, serão sumariamente ignorados.