Casador de Impedância


A grande maioria dos amplificadores automotivos possuem somente entradas RCA, que são aquelas entradas de alta impedância e de baixo nível de tensão, já que são somente entradas, só podem ser injetados sinais, mas muitos desejam aproveitar a saída de som e amplificar mais.

O fato de não ter conexões RCA na saída de som, ficam impossibilitas instalações em outros amplificadores de maior potência, claro que nesse caso, o objetivo é aumentar o nível de som, aproveitando a qualidade do primeiro amplificador.

Me refiro a saídas de som de auto-rádios, toca-fitas, cd-player, e até mesmo aquela vitrola antiga que você teima em ficar com ela, claro que só será possível se a fonte geradora de sinal, tiver potência suficiente para excitar o(s) amplificador(s) seguinte(s).

Essa dica é para criar saídas RCA compatíveis com as entradas de amplificadores, pois não devem ser ligadas as saídas de amplificadores diretamente nas entradas RCA de outros amplificadores, sob pema de destruír a saida de som do amplificador fonte ou a entrada do amplificador reforçador.

Lembro que a saída amplificada tem baixa impedância de saída e tensão entre 2 e 12 volts, e essas características de saída não são compatíveis com entradas RCA.

O circuito da figura abaixo tem a função de atenuar a tensão e aumentar a impedância para aproximadamente 220 ohms, fazendo com que o casamento entre a fonte de sinal e o amplificador seja perfeita, na verdade, a impedância de entrada em amplificadores é bem flexível, em todo caso, os resistores de 470 ohms podem ser alterados de acordo com a impedância necessária, a impedância de saída do circuito será sempre o valor da resistência em paralelo.


Esse circuito tem uma pequena perda na faixa dos sub-graves, quem optar por ter maior ganho nos graves pode aumentar o valor dos capacitores de 56 uF, para melhorar os agudos os capacitor podem ser de 1 uF, mas deve ser mantidos os dois de valoeres iguais, com isso também podem ser feitos módulos diferentes e obter ganhos diferentes.

Além de fazer o casamento de impedância, o circuito faz também a proteção da fonte de sinal e do amplificador, isso tem importância fundamental, pois a grande maioria dos amplificadores tem a saída em ponte, por isso não tem um terra comum, o que leva aos menos avisados a queimar as saídas de som.

Para cada saída e respectiva entrada de som, deve ser feito um circuito conforme mostrado na figura acima, a lista de materiais para cada unidade é a seguinte:

– 1 conector RCA macho
– 1 conector RCA fêmea
– 2 resistores de 470R por 1/2 watt
– 2 capacitores de 56uF por 35 volts
– 1 resistor de 8K2 por 1/2 watt

Optei por dois resistores de 470R por meio watt, com os dois em paralelo a impedância fica em 235 ohms, uma vez que 470R dividos por 2 dá 235R, e somados os meio watts, fica um resistor de 235 ohms por 1 watt, o suficiente para não esquenter
em função da potência do amplificador fonte de sinal, tudo para você poder experimentar da forma que for conveniente.


Para receber notificações sobre atualizações no Website Ibytes e atualizações do Canal Ibytes no Youtube, entre no grupo clicando nesse link ( Telegram ).