Bloqueadores de Sinais de Celular


Bloqueadores de sinais de celular é um equipamento de uso restrito e controlado, tanto é real que é necessário o preenchimento de alguns requisitos para obter autorização para uso, isso é fato.

Com base no meu conhecimento e experiência em rádio frequência posso não só afirmar, mas comprovar que há muitas mentiras quando se trata dos chamados bloqueadores de sinais de celular, principalmente quando é ofertado para venda.

Bloquear um sinal de celular (ou outro sinal de RF) significa bloquear a fonte emissora do sinal, em outras palavras, significa que alguém teria que criar um equipamento com maior potência do que a fonte geradora de sinal de rádio frequência para que esse equipamento anula-se a fonte geradora do sinal.

Além disso, esse equipamento, além de ser mais potente, teria que usar uma estrutura igual ou melhor do que a fonte geradora de sinal para que a fonte transmissora fosse bloqueada.

No mundo da química, no mundo da física, e no mundo das ciências, é igualzinho no mundo da vida real, se dá melhor o mais forte e não aquele que tem mais jeito, nem aquele que é mais delicado, vale a lei de Newton (lei da física), ou seja, dois corpos não podem ocupar o mesmo lugar.

O mundo da eletrônica é uma divisão do mundo de ciências, a eletrônica é a parte que estuda os efeitos da eletricidade, e nesse campo há um vasto campo que interfere no nosso dia-a-dia sem nem sequer percebermos.

Então, vamos assumir que estamos lidando com eletrônica e eletro magnetismo, dois segmentos da área da eletricidade, então assumir que algum serviço será bloqueado sem ser algo verdadeiro não é muito bom, além disso, torna um equipamento ilegal, mesmo que esse equipamento não execute a função que lhe é atribuída.

Por isso, não utilizo o termo bloqueador de sinal de celular, não é preciso causar impacto com a palavra bloqueador, mesmo porque, embaralhador de sinais de radiofrequência para a telefonia celular é a verdade e soa muito melhor.

Por opção, são poucas as pessoas que querem ficar sem o celular dentro do carro, talvez prefiram correr riscos causados pela falta de atenção ao invés de seguir as leis.

Por outro lado, os clientes também são incapazes de esperar por uma resposta de aplicativo, e assim, o medo de perder o cliente supera o medo de se envolver num acidente, a pressa, a falta de atenção, e o cumprimento das leis são prioritárias, a segurança e o bem estar ficam em último plano.

Por isso, o desenvolvimento de um equipamento que é um item de segurança foi necessário, e esse equipamento é um embaralhador de sinais da telefonia celular.

Quais são as vantagens em usar um embaralhador de sinais?

Sabemos por estatísticas que mais de 95% dos acidentes de trânsito são causados pelos condutores, o uso de celular ao volante é a terceira maior causa de acidentes com mortes no Brasil, a principal vantagem é a segurança no trânsito, se o telefone não pode ficar desligado é preciso que ele pare de funcionar, pelo menos enquanto o veículo estiver em movimento.

Assim, evita-se acidentes por distração do condutor, e como sabemos, um acidente não são apenas os bens materiais que são contabilizados, há vidas e sofrimentos envolvidos.

O que o equipamento faz?

Impede que qualquer aparelho celular num raio de 1 metro e meio faça ou receba chamadas de voz e envie ou receba SMS.

Também corta o acesso à internet, tornando o envio de mensagens através de aplicativos impossível e também impede a atualização de postagens em redes sociais.

Sabendo que não vai gerar ou receber chamadas e nem acessar aplicativos de mensagens ou de redes sociais o condutor se concentra só na direção.

Como funciona?

A instalação elétrica no veículo é feita de forma que ao ligar o motor do veículo o embaralhador começa a funcionar, de 30 segundos a 90 segundos exerce ação sobre os aparelhos que estão dentro do veículo.

Após desligar o motor do veículo, de 30 segundos a 90 segundos os aparelhos que estão dentro do veículo voltam com todas as suas funções.

Em quais veículos funciona?

O embaralhador de sinais funciona com tensão de 10 a 30 volts e requer 2 ampères de corrente constante.

Portanto, em qualquer veículo de passeio, utilitários e caminhões o embaralhador de sinais pode ser instalado, inclusive em veículos de tração elétrica.

Uso rastreador GPS, qual a atuação do embaralhador de sinal sobre o rastreador GPS?

O rastreador GPS não é afetado, porém, a instalação do rastreador GPS deve ficar a pelo menos dois metros de distância do embaralhador de sinais.

Se o rastreador GPS sofrer a ação do embaralhador de sinais, e o rastreador tiver a função de gravar as trilhas percorridas para envio posterior não serão perdidos dados, mas, no caso do rastreador GPS sofrer a ação do embaralhador de sinais, o acompanhamento em tempo real não será possível, pois o acesso à internet é impedido pelo embaralhador.

É um equipamento caro?

Bem, se cada um puder colocar o valor na sua vida e na vida de terceiros, pode parecer caro, mas se uma vida não tem preço, não é um equipamento caro.

Sabemos a selva que é o nosso trânsito, e a queda nas estatísticas depende da educação dos condutores em seguirem a legislação do CNT ou então utilizar meios para forçá-los a cumprir as leis.

Esse tipo de equipamento é proibido:

Na verdade, a legislação autoriza transmissões experimentais para técnicos e hobbystas num raio de 45 metros em qualquer frequência livre.

O equipamento é disponibilizado para fins de segurança própria e de terceiros, com alcance que se enquadra dentro do raio previsto para hobby e não interfere em nenhuma torre de telefonia celular.

Os alvos são os receptores próximos do equipamento, e uma vez que o equipamento seja desligado, em no máximo 90 segundos os receptores estarão funcionando normalmente.

Mais informações utilize o formulário de contato.


Para receber notificações sobre atualizações no Website Ibytes e atualizações do Canal Ibytes no Youtube, entre no grupo clicando nesse link ( Telegram ).