Osciladores vs Saídas

Circuitos simples são os meus preferidos não por ter dificuldades em realizar montagens, mas porque o objetivo é despertar e aguçar a curiosidade daqueles que praticamente ignoram a eletrônica, parece que foi o que aconteceu com o circuito desse link.

Isso é bom, mas além dos curiosos que geralmente realizam montagens por passatempo, atraí também aqueles que precisam da montagem para obter algum benefício, é aí é que surgem problemas para alguns interessados.

Na verdade, o maior problema é quando tudo foi resolvido por alguém e ele não retorna para informar aos demais qual era o problema.

Vou usar o circuito da figura abaixo para solucionar problemas de sobreaquecimento de resistores e a queima dos LEDs TIL32.

O relato é que o resistor de 100R ligado ao coletor do BC338 aquece e “queima”, o mesmo acontece com o resistor de 47R que é ligado em série com LEDs TIL32.

1)    Analisando o esquema nota-se que a alimentação é 12 volts.

a)     A primeira causa pode ter origem na alimentação acima dos 12 volts, quando é usada uma fonte paraguaia embora indique tensão nominal de 12 volts tem bem mais, geralmente 18 volts.

b)    A segunda causa pode ser no oscilador, embora para muitos não faça sentido, mas se o oscilador estiver “morto” a tensão no pino 3 do CI555 será sempre a tensão de alimentação, assim mantém a base do BC338 polarizada 100% do tempo que por sua vez polariza a base do TIP31 que fica conduzindo também 100% do tempo, o resultado é a queima dos LEDs.

c)     A terceira causa, pode ser a inversão dos terminais do BC338.

d)    Existem outras causas que fazem com que o oscilador não funcione, mas vamos por partes, exatamente como se faz com qualquer aparelho.

_fibromialgia

Se a tensão recomenda é 12 volts, tenho que estar certo que a fonte de onde vou retirar a alimentação tem 12 volts, pode ter até 30% a menos, mas nem 5% a mais.

Outro problema é a utilização de fontes chaveadas, geralmente eles tem tensão maior do que a tensão nominal e se estabilizam de acordo com a carga, esse tipo de fonte não serve para esse circuito.

É preciso se certificar que o oscilador está funcionando, preferencialmente numa faixa de áudio que possa ser ouvido pelo ouvido humano, isso significa que tem que ser menos de 5 KHz.

Se não houver instrumento de medida disponível, coloque em paralelo com o capacitor de 100 nF que é ligado do negativo da alimentação ao pino 2 do CI555 um capacitor eletrolítico de 100 uF, como o terminal positivo (+) ligado no pino 2 do CI555.

Coloque em série com um alto falante um capacitor de 47 a 470 uF e sem os transistores ligados no circuito, coloque o terminal positivo desse capacitor no pino 3 do CI555 e o outro terminal do alto falante ligue no negativo da alimentação, ligue o circuito, e escute.

Se não escutar um tom contínuo, o oscilador não está funcionando, se ligar o restante do circuito desse jeito, vai queimar mesmo, é preciso resolver o problema do oscilador antes de continuar.

Na falta de alto falante pode ser usado um LED comum com um resistor de 1K em série, o problema é que se a frequência do oscilador estiver alta o LED vai parecer que fica aceso direito, já que a visão humana não acompanha a velocidade das piscadas com frequência muita alta.

Se o oscilador estiver funcionando, por enquanto ignore o BC338, o ligue o resistor que saí do pino 3 do CI555 na base do TIP31, ligue o circuito, provavelmente não será visto nada, pois os LEDs são infravermelho, então use um LED normal para visualizar o que está acontecendo, o LED deve piscar na mesma frequência da oscilação.

Uma vez comprovado o funcionamento, por uma questão de segurança, aumente o resistor de 47R para 270R, só por prevenção, aumente também o resistor de 100R para 560R e ligue o BC338 de acordo com o esquema.

Não coloque todos os LEDs, use apenas um e verifique se os resistores ficam muito aquecidos, ocorre que a metade do tempo os resistores devem “descansar” e a outra metade “trabalhar” aí dá tempo de se resfriarem normalmente.

O circuito é simples e parte do princípio que um oscilador deve funcionar em frequência relativamente alta e fora da faixa audível para humanos, e na sua etapa final fazer acender LEDs cuja luminosidade também é invisível a olho nu.

Portanto, calma execute as etapas uma a uma que no final vai dar tudo certo.

Postagens relacionadas
  • Copiadores de Esquemas
  • Adeus Bateria de 9 Volts
  • Lote de BF494 Falsificado
  • Eliminador Baterias
  • Choques Como Proteção
  • Componentes eletrônicos
  • Posts mais acessados
  • Teste de Bateria (44527)
  • Gerador Números Celular (38827)
  • Antena Para Celular (32279)
  • Amplicador 60 W RMS (23648)
  • Os Gatos & Dúvidas (22223)
  • Utilize a busca para encontrar o tema de seu interesse.
    Pense no meio ambiente antes de este link.