O R.O.E. em 2,4 Ghz

Tem algo bem interessante e que é ignorado na instalação das antenas para distribuição de conexão entre computadores, na maioria dos casos, não importa a conexão com outro computador, o que importa mesmo é o sistema funcionar e poder distribuir acesso a internet, com isso ganha-se dinheiro, status e aparecem até amigos que haviam sumidos há anos atrás.

Há algum tempo, assim que surgiram as primeiras placas wireless e os primeiros roteadores wireless, eu achava que o fato de não ser considerado importante o tamanho do cabo coaxial entre a saída de RF e a antena na frequência de 2.4 GHz era devido as pequenas potências empregadas.

Mas com experiência adquirida, no meu modo de entender, com base nos testes que fiz, a qualidade e o tamanho do cabo coaxial tem importância fundamental, isso não quer dizer que não seja possível fazer experiências com outros tipos de cabos, mas quem já utilizou rádio amador em 40M, 80M, PX, etc., sabe o saco que é acertar o R.O.E. e quando fica muito complicado para acertar, a melhor opção é usar um acoplador de antenas.

Existem muitos “técnicos” que estão envolvidos na informática, fazem instalações de sistemas completos, e é claro, instalam até as antenas, são doutores no assunto, mas não sabem o que é R.O.E., é para esses eu escrevo que R.O.E. é a relação entre as ondas de rádio que realmente são transmitidas para o espaço e as ondas que ficam perdidas nos cabos, conectores e até mesmo no circuito de transmissão de rádio frequência.

Na área da informática quase ninguém fala disso, mas o R.O.E. é um detalhe muito importante, mas parece que pensam que só porque trabalhamos com potências muito baixas, o R.O.E., nunca é muito alto, mas posso afirmar que esse detalhe não deve ser ignorado.

Para medir o ROE é necessário ter um medidor interligado entre o rádio e a antena.

São duas as coisas que estão relacionadas a R.O.E. baixo: o cabo coaxial cortado no tamanho correto, e a antena bem dimensionada para a frequência correta.

Até a data atual, antes que me perguntem, não conheço software com a finalidade de medir o ROE.

Na faixa de 2,4 Ghz ou 5.8 Ghz o R.O.E. pode ser medido com um wattímetro apropriado para estas frequências, sugiro o wattímetro da Bird Modelo 043 (fabricante: olha meu jabá….), ele vai medir a potência refletida em mw, e será possível saber percentual da potência refletida.

Quanto ao comprimento do cabo, devemos nos preocupar com a perda de potência do mesmo e não com as ondas estacionárias em relação a comprimento do cabo, mesmo porque que os múltiplos destas frequências altas, são números tão insignificantes que não representam problemas.

De qualquer modo, com base nas minhas experiências, descobri que quanto menor for o tamanho cabo coaxial, melhor é o rendimento do sistema em se tratando de alcance.

Só para não esquecer, para medir a potência, o wattímetro deve ser instalado entre a saída do rádio (saída de RF do roteador ou placa) e a antena, sendo necessário que o rádio mantenha o TX constante.

Postagens relacionadas
  • Direcional Para 5.8 GHz
  • Teste de Módulos de RF
  • Módulos de RF 433 MHz
  • Celular Nos Confins
  • Bloqueadores de RF
  • As Ondas de Rádio
  • Posts mais acessados
  • Teste de Bateria (14748)
  • Antena Para Celular (12191)
  • Amplicador 60 W RMS (9684)
  • Os Gatos & Dúvidas (8260)
  • Ganhar na Loto Fácil? (5872)
  • Utilize a busca para encontrar o tema de seu interesse.
    Pense no meio ambiente antes de este link.   Dúvidas? Acesse o Fórum