Antena Direcional 21 dBi

Nessa esquema de antena direcional de 7 elementos para utilização em redes wlan (sem fio) vou “passar o pulo gato”, o que os fabricantes de antenas sabem mas escondem a preço de ouro, os motivos são mais do que óbvios.

Tem muita matéria sobre a montagem de antenas na Internet, mas pode ser observado que sempre falta alguma coisa e o projeto não se completa por algum motivo, e essa coisa que falta é sempre algum detalhe, e quando o projeto se completa o rendimento não é aquele que foi prometido.

Não sou nenhum Robin Hood da Internet, mas com o mundo cheio de informações como está, ficar escondendo detalhes sobre acessórios ou equipamentos que podem colaborar com a inclusão digital, não acho correto.

A minha atitude nada tem a ver com os vendedores de antenas, afinal, todos precisam sobreviver, mas acho que eles cobram demais por muito pouco material utilizado na confecção de antenas, numa antena dessas que está descrita a seguir, não se gasta nem R$ 10.00 de material (sem a grade), o que custa mais caro é o cabo coaxial, que realmente não tem como deixar de utilizar.

Os 35 centímetros de tubo de alumínio paguei R$ 1.00, uma chapa de alumínio de 40 centímetos de comprimento por 8 centímetros de largura por 1mm de espessura paguei R$ 1.00, solda foi só um pingo, como o cabo coaxial eu já tinha, usei 80 cm e considerei R$ 8.00 por esse metro de cabo (até o pig-tail), que nessa cotação está caro, mas R$ 10.00 deve ser o custo máximo dessa antena sem a grade.

A chapa de alumínio que vai ser transformada em antena deve ter 40 cm por 8 cm por 1 mm de espessura para facilitar o corte, veja a figura abaixo, mas espere, leia o texto completo, pois os cortes devem ter medidas exatas, caso contrário, a antena não irá funcionar com o ganho que deve ter.

Para os cálculos dessa antena não vou entrar no mérito, por envolvem muitos detalhes, até a espessura do alumínio utilizado deve ser considerado, então vamos esquecer os cálculos, mas para tirar dúvidas sobre o tamanho de antenas e sobre cálculo de antenas.

Bem, a chapa de alumínio é dessas que os calheiros utilizam, se você mora perto de um calheiro, certamente ele lhe dará um resto de corte, não use o zinco, além de ser duro para cortar pode não dar bom resultado.

A chapa de alumínio deve ser cortada de tal forma que fique conforme a figura abaixo.

Depois de cortada nas medidas corretas, a espinha da antena deve ser dobrada conforme mostra a figura abaixo, a separação é de 1 centímetro ao longo da espinha.

E depois de pronta a antena vai ficar com o aspecto da figura abaixo, observe que no corte os elementos direcionais da antena estão intercalados, mas ao dobrar a carcaça, os elementos ficam lado a lado, no exemplo mostrado acima, o final saiu um pouco fora da medida, isso vai influenciar o ganho da antena, mas nada que prejudique o projeto, mesmo assim, serão perdidos 1 ou 2 dbi nesse detalhe do tamanho errado.

Claro que se esta for a primeira vez que você estiver vendo este esquema para ser utilizado em conexão wireless, com certeza logo vai sair a procura do material para fazer, sei disso porque sei que não tem muitos desses esquemas na Internet, tem muitos sim, mas iguais a esse não tem ou não estou sabendo, além disso, tem a curiosidade…….

Depois de pronta, a antena deve ter o aspecto da figura acima, o cabo coaxial foi colocado por dentro do tubo de alumínio de 35 centímetros, e um lado da carcaça da antena é conectado ao fio vivo do cabo coaxial, você dever estar sabendo que o alumínio não pega solda, mas ao soldar o fio, a solda derrete e faz com que o alumínio fique com contado elétrico bem firme no fio de cobre, caso não ficar, você deve refazer a solda de modo de fique com bom contato elétrico, outra forma de fixar é usar terminais parafusados, daí não tem problema de contato elétrico, mas é mais R$ 0.30 de custo nessa antena.

A outra ponta é bem fácil de ser fixada, é só aparafusar no tubo de alumínio e o contato elétrico será perfeito.

Essa antena, sem a grade tem um ganho aproximado de 10 a 12 dbi, é pouco se comparado a outras antenas, claro que se utilizarmos uma grade, o ganho vai quase dobrar, por isso mesmo foi previsto o tubo de alumínio de 35 centímetos, justamente para usar com uma antena do tipo da SKY ou outra similar, eu utilizei uma grade de uma antena da VIAMAX, que é TV por assinatura, quando dá um vento e a antena cai, eles não consertam, e geralmente vai parar no ferro velho, daí eu aproveito e pago no máximo dois reais pela grade.

Outro detalhe é o acabamento final, conforme pode ser visto na figura abaixo, note que a antena tinha 7 elementos, e ainda tem os 7 elementos, mas o elemento mais pequeno foi coberto com resina para evitar que entre água no tubo de alumínio e também para firmar o corpo da antena no tubo de alumínio, a resina não atrapalha o movimento das ondas eletromagnéticas, na falta de resina, massa plástica utilizada na lataria de veículos também serve, e assim, o vento e a chuva não vão atrapalhar o funcionamento da antena, a antena vai estar protegida e vai ficar sempre firme.

A posiçaõ de funcionamento da antena também é a posição mostrada na figura acima, como pode ser notado, os elementos estão na posiçao vertical, como é o funcionamento das antenas da grande maioria das redes wireless.

E finalmente, abaixo tem a figura com todas as medidas que devem ser seguidas rigorosamente, faça bom proveito, e não se esqueça de dividir comigo (espontaneamente) a metade dos reais que você deixou de gastar com a compra de antena, pois de agora em diante, você mesmo vai fazer as suas próprias antenas direcionais, tenho certeza.

Se seu objetivo é uma antena com ganho maior e mais fácil de fazer, veja como fazer antena de 24 dBi para 2.4 GHz

Postagens relacionadas
  • Direcional Para 5.8 GHz
  • Teste de Módulos de RF
  • Módulos de RF 433 MHz
  • Celular Nos Confins
  • Bloqueadores de RF
  • As Ondas de Rádio
  • Posts mais acessados
  • Teste de Bateria (29124)
  • Antena Para Celular (22946)
  • Amplicador 60 W RMS (16650)
  • Os Gatos & Dúvidas (15546)
  • Gerador Números Celular (14661)
  • Utilize a busca para encontrar o tema de seu interesse.
    Pense no meio ambiente antes de este link.