Medidor de Potência RF

Os instrumentos de medição são indispensáveis para qualquer situação em qualquer montagem ou ajustes, em se tratando de medidas a justes de potência em radiofrequência não é diferente, mas às vezes o montador é daqueles que sempre utiliza instrumentos de amigos, quem empresta sabe que é chato emprestar, quando volta ainda vá lá, mas quando se precisa do instrumento e tem que implorar para que o amigo devolva o instrumento, é um tapa na cara.

A desculpa de não poder comprar devido aos valores está vazia e não cola mais, além disso, nem sempre é possível emprestar o que o amigo está querendo, principalmente se justo no fim de semana que você vai fazer umas montagens de transmissores seu amigo quer seu medidor de potência para transmissores emprestado, então não empreste, diga-lhe para que faça um, é baratinho e utiliza componentes comuns e até em sucatas podem ser encontrados os componentes.

A proposta aqui é fazer um instrumento para ser utilizado para calibrar transmissores, podem ser montagens caseiras ou aquele velho rádio PX que está num canto parado, ou quem sabe aquele VHF marítimo cheio de teias de aranha, com a utilização de um medidor de potência para saídas de radiofrequência é possível obter potência máxima e com isso maior alcance nas transmissões.

O circuito aqui sugerido é aperiódico, ou seja, não tem nenhuma sintonia, por isso pode ser utilizado em qualquer faixa de frequências e suporta 15 watts em sua entrada.

Equipamentos de comunicação de qualquer faixa podem ser ajustados com o circuito deste mini-projeto, apenas é preciso ter um mínimo de conhecimento no manuseio e ajustes em equipamentos transmissores.

O circuito não tem nada de espacial, são todos componentes comuns que podem ser obtidos em sucatas, os resistores R1, R2, R3 e R4 devem ser de filme metálico com 220 ohms e com 3 watts de dissipação cada, o resistor de 12K deve ser de filme metálico com 1 watt de dissipação, a ponte de diodos pode ser feita com 4 diodos do tipo 1N4148, o capacitor de 1nF deve ser de disco cerâmico, o VU pode ser de qualquer tipo com 200 µA de fundo de escala, e o trimpot é de 10K.

O conjunto deve ter ligações curtas, soldas bem feitas e deve ser instalado numa caixa de metal, observando que os componentes dever ser isolados da parte metálica da caixa que abriga o conjunto, não existem ajustem a serem feitos, o único ajuste é o de sensibilidade, o objetivo é ajustar o nível da saída de radiofrequência de transmissores, se ao transmitir o ponteiro ir até o final, ajuste o trimpot para menor ganho e vá fazendo os ajustes nas bobinas ou trimmers.

Nos testes de bancada, com potência de ½ watt já excitou o medidor, lembro que mexer com radiofrequência é muito gratificante, mas é preciso saber o que realmente está fazendo, veja o esquema abaixo em toda sua simplicidade, boa sorte na montagem e faça bom uso.

Postagens relacionadas
  • Direcional Para 5.8 GHz
  • Teste de Módulos de RF
  • Módulos de RF 433 MHz
  • Celular Nos Confins
  • Bloqueadores de RF
  • As Ondas de Rádio
  • Posts mais acessados
  • Teste de Bateria (14747)
  • Antena Para Celular (12189)
  • Amplicador 60 W RMS (9684)
  • Os Gatos & Dúvidas (8260)
  • Ganhar na Loto Fácil? (5872)
  • Utilize a busca para encontrar o tema de seu interesse.
    Pense no meio ambiente antes de este link.   Dúvidas? Acesse o Fórum