Os átomos e Elétrons

Em qualquer substância que existe na natureza a menor partícula que pode existir conservando todas as características dessa substância é chamada de molécula, veja que a partícula deve existir por si mesma, e conservar todas as características da substância que é chamada de molécula.

Sabendo disso, podemos afirmar que a molécula é a menor parte possível de qualquer substância, podemos afirmar que a menor parte possível de água é uma molécula de água, as moléculas, não importando de qual substância é a molécula, sempre serão compostas de partículas menores que são chamadas de átomos.

O átomo é a menor parte de uma molécula, que por sua vez é dividida em prótons que têm uma carga elétrica positiva e elétrons que tem uma carga elétrica negativa, além dos nêutrons que como o próprio nome já diz, não possuem nenhuma carga elétrica.

Todos os átomos são formados por quantidades diferentes de partículas, o átomo mais simples que se tem conhecimento é o átomo de hidrogênio, que é formado por um elétron girando em volta do núcleo que tem apenas um próton.

Os elétrons giram em torno do núcleo em alta velocidade, é estimada velocidade de 100000000000000 voltas por segundo e com sua trajetória em órbita elíptica.

Os elétrons se encontram distribuídos ao redor do núcleo em camadas concêntricas, podem existir até sete camadas, a quantidade de camadas está relacionada ao número de elétrons, as camadas são identificadas pelas letras K, L, M, N, O, P, Q e nestas camadas os elétrons são distribuídos da seguinte forma:

Por definição, a última camada (Q) é chamada de camada de valência e os elétrons que existem nela são chamados de elétrons de valência, e é através desses elétrons que os átomos se unem formando as moléculas.

A distribuição dos elétrons por camadas é chamada de distribuição eletrônica nas camadas.

Quando um átomo tem a mesma quantidade de elétrons e de prótons ele é eletricamente neutro, pois as cargas negativas estão equilibrando as cargas positivas, mas quando a quantidade de elétrons e de prótons são diferentes, o átomo é chamado de íon.

Quando um átomo doa um ou mais elétrons da sua última camada, ele fica eletricamente positivo e recebe o nome de cátion, mas quando o átomo recebe elétrons ele fica eletricamente negativo e recebe o nome de ânion.

Partindo do átomo, podemos dizer que da união ou do agrupamento de muitos átomos são formadas as moléculas que agrupadas formam todas as substâncias que existem na natureza.

Os elétrons da camada de valência são os que possuem liberdade para participar dos fenômenos elétricos ou químicos.
Quando um grupo de átomos está disposto simetricamente entre si, como pode acontecer numa molécula, um elétron de valência pode girar em torno de dois núcleos atômicos ao invés de um só, quando isto acontece os elétrons de valência unem os átomos entre si formando a chamada cadeia de valência.

Se depois de formadas as cadeias de valência ainda sobrarem elétrons que não possuem uniões firmes, estes elétrons são chamados de elétrons livres, e quanto maior for o número de elétrons livres no material, melhor será a condutividade do material.

Postagens relacionadas
  • Retificadores e Nomenclaturas
  • Assim Surgiu a Eletrônica
  • Repelente Não Funciona
  • A Corrente é …..
  • Excesso de Corrente
  • Porque Não Atendo
  • Posts mais acessados
  • Teste de Bateria (14867)
  • Antena Para Celular (12294)
  • Amplicador 60 W RMS (9739)
  • Os Gatos & Dúvidas (8321)
  • Ganhar na Loto Fácil? (5910)
  • Utilize a busca para encontrar o tema de seu interesse.
    Pense no meio ambiente antes de este link.   Dúvidas? Acesse o Fórum