Bloqueadores: A Verdade

Diferença Entre Bloqueador de Celular e Embaralhador de Sinal

Depois de um tempo sem escrever, não por preguiça ou por falta do que escrever, mas por estar ocupado mesmo, afinal, durante o dia na atividade local e à noite na eletrônica é bem cansativo.

Nesse tempo de uma suposta ausência tenho trabalhado duro no desenvolvimento de um aparelho que tem por finalidade enganar o aparelho celular e torná-lo inoperante enquanto o veículo estiver em movimento ou com a chave de ignição “virada”.

O objetivo é fazer do aparelho celular dentro do carro um aparelho inútil, só assim, quem dirige não vai ler mensagens de aplicativos, receber ou fazer ligações, mas só enquanto o veículo estiver com o motor ligado.

Se no Brasil essa ideia fosse colocada em prática e os veículos saíssem de fábrica com um aparelho desses, imaginem a quantidade de vidas que seriam salvas, essa é a única maneira eficaz de “proibir” o uso de celular nos veículos.

A quantidade multas também cairia, esse também é um dos motivos que dificulta a implantação de um equipamento com a finalidade proposta.

Sendo bem realista, acho pouco provável que algum dia no Brasil essa ideia se torne uma realidade, mas como existem outros países interessados, o desenvolvimento continua, e já em fase bem adiantada, ou seja, na fase dos protótipos físicos, afinal, aqui não é igual ao governo que só fala em projeto, come o dinheiro e nada de obras.

A ideia desse aparelho não é minha, fui procurado, resolvi aceitar o desafio, e com isso surgiram novos conhecimentos relacionados à área, e percebe-se que muitas coisas poderiam estar sendo feitas, mas existem aqueles que ficam só enrolando.

Imaginem se eu um desconhecido aqui do sul do país pode fazer um equipamento conforme descrevi, porque engenheiros da eletrônica não produzem aparelhos em série para inibir o sinal de celular nos presídios e penitenciárias?

Fazem de conta que é super complicado, que é ilegal, que transmissão não pode ser interferida e um monte de blá, blá, blá inútil e mentiroso.

Primeiro, quero deixar bem claro que ninguém está propondo interferir em nenhuma transmissão de nenhuma torre da telefonia celular, ou qualquer outro tipo de transmissão, o objetivo é enganar a recepção do celular, tornando-o inoperante e inútil em uma pequena área, tipo 2 metros quadrados, com o objetivo de salvar vidas.

Por outro lado, no Brasil, os telefones celulares se tornaram equipamento de apoio ao crime.

De dentro dos presídios facções criminosas e traficantes comandam suas operações usando celulares, mesmo nas unidades de segurança máxima, isso porque não pode interferir na torre de transmissão bloqueando o sinal, é muita burrice não é não?, que pode ser real ou proposital.

Quando qualquer usuário de celular dirige pela cidade, o sinal de recepção depende da célula onde está o celular, só se uma  ligação for recebida e atendida o sinal transmitido é transferido entre diversas células de acordo com a posição do celular.

Mas quando um aparelho emite um sinal na mesma freqüência de rádio que a frequência de recepção do telefone celular, a comunicação entre o telefone e a estação rádio base da torre é interrompida.

O aparelho emite o sinal no espectro de rádio e os  telefones celulares dentro da área de alcance do sinal ficam confusos e não recebem o sinal da torre, note que não há que se falar em bloqueador, pois o sinal da torre não é bloqueado, outros aparelhos continuarão funcionando.

Do ponto de vista legal, impedir que o sinal chegue até um telefone celular não é o mesmo que bloquear o sinal de celular, não está sendo interferido na transmissão, está sendo enganado o celular na sua recepção.

Um telefone celular  se comunica com a sua rede de serviços através de uma torre de telefonia celular ou uma estação rádio base, não há nenhuma interferência em qualquer transmissão, por isso não há ilegalidade.

No que diz respeito a presídios e penitenciárias, basta os poderes constituídos ter desejo real que as coisas aconteçam, mas o tempo tem demonstrado que não é desejo que existam meios de impedir a comunicação entre criminosos presos e criminosos do lado de fora dos presídios.

Por outro lado, para as operadoras não interessa qualquer restrição, afinal, quem mais gasta com telefonia são aqueles que mais ganham de forma fácil, devido ao desinteresse, por enquanto a queda de braço vai sendo ganha pelo lado mais cinzento da sociedade.

E de volta ao objetivo de fazer do aparelho celular dentro do carro um aparelho inútil, continuam os testes, pois na área da chamada “proteção” não há impedimentos legais para desenvolver e utilizar tal equipamento.

Existe uma diferença absurda entre bloquear um sinal de celular e enganar a recepção do celular.

Postagens relacionadas
  • Sobre Detectores de Radar
  • Bloqueador Sinal Wifi
  • O Marketing Com WhatsApp
  • O Tamanho da Onda da RF
  • Antenas de Várias Bandas?
  • WhatsApp Seguro
  • Posts mais acessados
  • Teste de Bateria (64163)
  • Gerador Números Celular (53177)
  • Antena Para Celular (41838)
  • Amplicador 60 W RMS (30915)
  • Os Gatos & Dúvidas (29205)
  • Utilize a busca para encontrar o tema de seu interesse.
    Pense no meio ambiente antes de este link.