Revelação da Tela

Terminada a exposição á luz, é preciso revelar a tela propriamente dito.

Para isso deve-se ter preparado e pronto para ser utilizado um pedaço de mangueira com aproximadamente 2 metros de comprimento, que ficará com uma de suas pontas presa em uma torneira, e na outra, deveremos colocar um bico especial tipo jardineiro, que nos permitirá controlar o jato de água.

Depois de tirar a matriz recém colocada à exposição da luz, é preciso revelar a tela, comece molhando bem os dois lados da tela (sem pressão).

Depois dos dois lados da tela molhados, com jatos finos faça o jateamento de água fria sobre o desenho que foi gravado, até que todas as letras, traços, pontos, enfim, tudo que havia na arte final, que fique transparente na tela, sem emulsão.
Para conferir se a tela está bem revelada, coloque-a contra uma luz de maneira que possa ser verificado se em todos os traços revelados, passa claridade.

Se algum traço ainda estiver obstruído por emulsão você deverá insistir, jogando mais água até que tudo esteja revelado.
Caso contrário, onde ainda existir a emulsão, não passará tinta no momento de impressão.

Após a revelação a tela vai estar toda molhada, para eliminar a água, coloque alguns pedaços de papel de jornal em cima de uma mesa e coloque a tela em cima do jornal.

Pegue mais algumas folhas e coloque por dentro da tela, e use quantas folhas forem necessárias para absorver a água.
Para finalizar a secagem, use ventilador ou secador de cabelos ou deixe secar no sol.

Postagens relacionadas
  • Aplicações Práticas
  • A Pressão do Rôdo
  • Sobre Filmes (Silk)
  • Barras Fora do Contato
  • Manutenção do Rôdo
  • Controle na Montagem
  • Posts mais acessados
  • Teste de Bateria (13874)
  • Antena Para Celular (11528)
  • Amplicador 60 W RMS (9276)
  • Os Gatos & Dúvidas (7838)
  • Ganhar na Loto Fácil? (5589)
  • Utilize a busca para encontrar o tema de seu interesse.
    Pense no meio ambiente antes de este link.   Dúvidas? Acesse o Fórum