Fazer Aterramento Certo

Os equipamentos recebem a energia elétrica através do fio fase e do fio neutro, o terceiro fio é o fio terra, pelo fato dele ser apenas ligado à carcaça externa do equipamento parece que a função dele é sem importância.

No fio terra não existe a alta corrente que passa pelos dois outros fios, a finalidade do fio terra é manter a carcaça externa do equipamento ligada a um potencial de zero volt, o mesmo potencial do solo, evitando que o usuário tome choques e fazendo com que cargas estáticas não se acumulem no equipamento, sendo rapidamente dissipadas para o solo.

Em uma situação ideal, a tensão que chega ao equipamento deveria ser a tensão da rede elétrica, nesse caso, o fio terra em qualquer local que fosse realizada a medida de tensão deveria apresentar tensão de zero volt, e a tensão no fio fase deveria ser a tensão da rede elétrica, ou seja, 110 ou 220 volts, de acordo com a rede elétrica, mas na prática isso não acontece.

O problema de queda de tensão surge devido ao uso de fiação inadequada, geralmente fios muito finos ou fios com emendas, existe quem duvide, mas surge uma pequena queda de tensão a cada emenda de fio.


Na imagem é mostrada a situação descrita, note que o fio neutro e fio fase sofrem uma queda de 10 volts, fica fácil chegar a conclusão que isso causa problemas, inclusive de funcionamento.

Numa rede elétrica de 220 volts, na prática, a tensão aplicada ao computador seria de 210 volts, pois a matemática é clara: 220 – 10 = 210, esta diferença de tensão é de 10 volts, em uma rede elétrica de 110 volts, a diferença também seria de 10 volts, mas em se tratando de percentual, para 220 volts representa 5.5%, mas para 110 volts representa 11%.

Normalmente a fonte de alimentação foi projetada para continuar funcionando com esta baixa tensão, mas a mínima queda na tensão da rede será suficiente para fazer o computador travar, e este problema pode ser resolvido com facilidade, pois a utilização de uma fiação melhor resolve o problema, outra alternativa é a utilização de um estabilizador de voltagem.

Na figura mostrada acima existe outro problema que é a falta de aterramento, o computador vai funcionar, mas a sua carcaça perde a referência de tensão, e uma pequena fuga de corrente em um transformador da fonte ou do monitor será suficiente para induzir uma alta tensão na carcaça, e o resultado é o usuário tomar choque.

Existem pelo menos três maneiras de resolver esse tipo de problema, mas para começar, deve-se instalar uma ou mais tomadas de três pinos para o(s) computador(es), não esquecendo que toda tomada de três pinos deve ter também o fio terra.

A solução correta é ligar o fio de terra até o quadro de disjuntores, já que é certo que ele seja aterrado, e mesmo que não seja aterrado, a ligação do fio neutro entre o quadro de disjuntores e o poste é feita por um fio de bitola larga, que produz queda de tensão bem pequena, por isso o neutro neste ponto tem praticamente o mesmo potencial do terra.

Um eletricista profissional e confiável pode fazer este tipo de instalação, passando este novo fio pela tubulação, desde as tomadas dos computadores até o quadro geral.

Quando existirem vários computadores em uma ou mais salas, é preciso que o fio de terra passe por todas as tomadas onde serão ligados computadores e outros equipamentos de informática.

Uma solução alternativa é quebrar a parede onde existe uma coluna e procurar pelo ferro (vergalhão) da coluna ou por um cano de ferro, é bom lembrar que canos de cobre ou de ferro que são utilizados para a distribuição de água também servem.

É preciso um bom contato elétrico entre o fio de terra e o ferro da coluna ou cano de água, uma boa sugestão, acredito ser usar abraçadeiras para fazer bom contato entre as partes, claro que se puder realizar soldas, fica melhor.

Outra solução, mas que tem algumas desvantagens e é descartada pelos eletricistas, é interligar na própria tomada o fio de terra e o fio neutro, como sabemos, o fio neutro tem o mesmo potencial do fio terra.

O descarte desse tipo de aterramento é devido a quedas de tensão ao longo da fiação, o potencial elétrico do neutro pode ser elevado, fazendo com que este ponto seja um terra muito ruim.

Mesmo assim é aceitável para instalações onde existe apenas um computador e que não esteja ligado em rede a outros computadores.

É bom lembrar que este método tem a desvantagem de manter a carcaça do computador em um potencial baixo, porém elevado para um terra, com 10 volts o corpo humano não sente choque, mas com tensões acima deste valor o próprio computador terá problemas para funcionar.

Uma grande desvantagem deste método é que se algum eletricista fizer alterações na instalação elétrica e inverter os fios fase e neutro, a carcaça do computador ficará ligada ao fio fase, resultando em um grande choque no usuário, o mesmo acontece se for usada tomada comum, que permite a troca de polaridade quando for plugado o cabo de força na tomada.

Postagens relacionadas
  • Eletricidade e Segurança.
  • Gerar e Usar a Energia
  • Gerar Energia Infinita
  • Eletricidade e Eletrônica
  • Economia Sem Gato
  • Transformadores de Tensão
  • Posts mais acessados
  • Teste de Bateria (13987)
  • Antena Para Celular (11624)
  • Amplicador 60 W RMS (9319)
  • Os Gatos & Dúvidas (7887)
  • Ganhar na Loto Fácil? (5627)
  • Utilize a busca para encontrar o tema de seu interesse.
    Pense no meio ambiente antes de este link.   Dúvidas? Acesse o Fórum