Antenas Para UHF

Como fazer uma antena? Quais os materiais posso usar? Quanto vou gastar? Essa antena vai funcionar mesmo? Essas são as dúvidas principais antes de iniciar a montagem.

Quem gosta da eletrônica sempre arruma um jeito de mexer em alguma coisa, mas existem casos onde se mistura a curiosidade, a vontade e a necessidade, não que não seja possível comprar um equipamento ou acessório barato, mas o fato de poder fazer com as próprias mãos torna o resultado final mais valioso.

Com antenas é a mesma coisa, muitos gostariam de fazer sua própria antena, mas existem impedimentos de ordem pessoal, o conhecimento dos procedimentos para realizar uma tarefa é essencial.

Nesse texto a proposta é mostrar como fazer antenas diretamente na placa de circuito impresso, no exemplo, a base é uma antena para a banda de 2.4 GHz que ficará impressa diretamente sobre uma placa de circuito impresso 15,8 por 17.2 centímetros, nesse gabarito estão as duas partes da antena que será montada e mostro como no link.

É obvio que antenas que ficam muito grandes são inviáveis, mas tenho tido ótimas experiências com antenas para frequências acima dos 500 MHz, pois nesse caso uma antena direcional de 3 elementos cabe perfeita mente em uma placa de fenolite de 30 x 30 centímetros.

Existem várias vantagens, a primeira delas é a possibilidade pequena de errar, pois só acontecerá se houver erro no gabarito, outra vantagem é a chance praticamente nula de oxidação, uma pintura resolve esse problema, outra vantagem são as ondas estacionárias que dependendo do cabo coaxial utilizado chegam a 1:1, e finalmente o custo final é desprezível se comparado as antenas comerciais.

Como nem todos tem conhecimento em serigrafia e também não tem interesse em aprender, ou porque não vale a pena confeccionar uma matriz (tela) para fazer uma antena, o projeto é deixado de lado ou são tentadas outras maneiras e com resultados nem sempre satisfatórios.

Um método que resulta em bom acabamento e não requer muitos conhecimentos é aquele em que é impresso algo com um gabarito, ele tem as medidas desejadas e sendo colocado sobre uma base pode ser pintada a parte vazada.

Uma placa de circuito impresso virgem pelo menos 1 centímetro maior do que o tamanho da antena, um vidro de esmalte que servirá como protetor contra o percloreto de ferro, um estilete, uma régua ou similar e o gabarito positivo impresso em papel adesivado.

Quando me refiro ao gabarito positivo é porque o desenho é em tamanho e em face real, ou seja, como irá ficar depois do projeto pronto, no nosso caso queremos eliminar a parte preta e manter a parte branca do papel, por isso é preciso remover a parte branca do papel e recortando-a e deixando a parte preta colada na placa de CI até que a pintura esteja seca.

Depois a pintura com esmalte é feita diretamente sobre o cobre para protegê-lo contra a corrosão, a placa de CI é colocada com a parte pintada para baixo e quando a parte não pintada desaparecer está pronto, basta lavar e retirar o esmalte para realizar os procedimentos finais da montagem para esse tipo de antena, para outras antenas o processo é o mesmo, mas a montagem final depende do modelo da antena, todos os detalhes podem ser visto no vídeo abaixo.

Para antenas de 2.4 GHz, todos os procedimentos podem ser vistos nos vídeos abaixo.

Bem, a ideia está lançada, assista o vídeo abaixo e tire todas as dúvidas restantes, façam bom proveito.

Primeira parte:

Segunda parte:

Resultado:

Não deixe de comentar, seu comentário ajuda a sanar possíveis problemas e fazer um site cada vez melhor.

Postagens relacionadas
  • Oscilador Duplo Com Um CI
  • Oscilador 15 a 200 KHz
  • Oscilador de 45 MHz
  • Bloqueador de Sinal GPS
  • Adeus Bateria de 9 Volts
  • O Tamanho da Onda da RF
  • Posts mais acessados
  • Teste de Bateria (43704)
  • Gerador Números Celular (37918)
  • Antena Para Celular (31837)
  • Amplicador 60 W RMS (23222)
  • Os Gatos & Dúvidas (21781)
  • Utilize a busca para encontrar o tema de seu interesse.
    Pense no meio ambiente antes de este link.