Casador de Impedância

A grande maioria dos amplificadores automotivos possuem somente entradas RCA, que são aquelas entradas de alta impedância e de baixo nível de tensão, já que são somente entradas, só podem ser injetados sinais, mas muitos desejam aproveitar a saída de som e amplificar mais.

O fato de não ter conexões RCA na saída de som, ficam impossibilitas instalações em outros amplificadores de maior potência, claro que nesse caso, o objetivo é aumentar o nível de som, aproveitando a qualidade do primeiro amplificador.

Me refiro a saídas de som de auto-rádios, toca-fitas, cd-player, e até mesmo aquela vitrola antiga que você teima em ficar com ela, claro que só será possível se a fonte geradora de sinal, tiver potência suficiente para excitar o(s) amplificador(s) seguinte(s).

Essa dica é para criar saídas RCA compatíveis com as entradas de amplificadores, pois não devem ser ligadas as saídas de amplificadores diretamente nas entradas RCA de outros amplificadores, sob pema de destruír a saida de som do amplificador fonte ou a entrada do amplificador reforçador.

Lembro que a saída amplificada tem baixa impedância de saída e tensão entre 2 e 12 volts, e essas características de saída não são compatíveis com entradas RCA.

O circuito da figura abaixo tem a função de atenuar a tensão e aumentar a impedância para aproximadamente 220 ohms, fazendo com que o casamento entre a fonte de sinal e o amplificador seja perfeita, na verdade, a impedância de entrada em amplificadores é bem flexível, em todo caso, os resistores de 470 ohms podem ser alterados de acordo com a impedância necessária, a impedância de saída do circuito será sempre o valor da resistência em paralelo.


Esse circuito tem uma pequena perda na faixa dos sub-graves, quem optar por ter maior ganho nos graves pode aumentar o valor dos capacitores de 56 uF, para melhorar os agudos os capacitor podem ser de 1 uF, mas deve ser mantidos os dois de valoeres iguais, com isso também podem ser feitos módulos diferentes e obter ganhos diferentes.

Além de fazer o casamento de impedância, o circuito faz também a proteção da fonte de sinal e do amplificador, isso tem importância fundamental, pois a grande maioria dos amplificadores tem a saída em ponte, por isso não tem um terra comum, o que leva aos menos avisados a queimar as saídas de som.

Para cada saída e respectiva entrada de som, deve ser feito um circuito conforme mostrado na figura acima, a lista de materiais para cada unidade é a seguinte:

– 1 conector RCA macho
– 1 conector RCA fêmea
– 2 resistores de 470R por 1/2 watt
– 2 capacitores de 56uF por 35 volts
– 1 resistor de 8K2 por 1/2 watt

Optei por dois resistores de 470R por meio watt, com os dois em paralelo a impedância fica em 235 ohms, uma vez que 470R dividos por 2 dá 235R, e somados os meio watts, fica um resistor de 235 ohms por 1 watt, o suficiente para não esquenter
em função da potência do amplificador fonte de sinal, tudo para você poder experimentar da forma que for conveniente.

Postagens relacionadas
  • Faróis Apagados?
  • Proteja Portas e Janelas
  • Fazer Bengala Eletrônica
  • Lâmpada de Corredor ou Escada
  • Sem Pânico Para Idosos (P2)
  • Sem Pânico Para Idosos (P1)
  • Posts mais acessados
  • Teste de Bateria (14817)
  • Antena Para Celular (12236)
  • Amplicador 60 W RMS (9717)
  • Os Gatos & Dúvidas (8303)
  • Ganhar na Loto Fácil? (5898)
  • Utilize a busca para encontrar o tema de seu interesse.
    Pense no meio ambiente antes de este link.   Dúvidas? Acesse o Fórum