As Antenas Direcionais

Existe uma grande variedade de antenas direcionais, o tipo mais conhecido é a antena do tipo yagi-uda, que consiste de um dipolo e outros elementos chamados de parasíticos, que são chamados de refletores ou diretores, ou, podem ser chamados de refletores e diretores.

Um refletor deve ser maior em tamanho que o dipolo quando inserido no sistema irradiante, pois a função do refletor é justamente refletir.

O refletor é posto na direção contrária à propagação das ondas eletromagnéticas, alguns, de forma simplificada, montam o refletor 5% maior que o dipolo.

É utilizado em antena Yagi de dois elementos com refletor, pois na antena Yagi de dois elementos com diretor, o elemento parasita é montado na direção de propagação da onda eletromagnética.

Em geral, o diretor também pode ser confeccionado em torno de 5% menor que o dipolo até a antena Yagi de três elementos.

Nas antenas com mais elementos, a montagem se torna mais complexa, pois os parasitas são vistos pelo dipolo como uma rede de antenas, por isso o método prático de configuração 5% menos não é válido.

Quando são instalados outros elementos numa antena, o sinal emitido é direcionado no sentido dos elementos menores e reduzido na direção em que está o elemento maior (o refletor), reciprocamente, na recepção acontece o mesmo, isto é, o sinal que vem da frente (do diretor) é melhor recebido que o que vem de trás (do refletor) da antena, a esse efeito é dada uma relação chamada de relação frente-costas, e se aplica à antenas direcionais de qualquer tipo, sejam Yagis, parabólicas, helicoidais, ou outro tipo de antena direcional.

As antenas do tipo Yagi, da mesma forma que as antenas do tipo dipolo, também podem ter polarização horizontal ou vertical, dependendo do fim para que se destinam.

A antena do tipo parabólica é muito útil quanto à transmissão e a recepção é utilizada para diversos fins, recepção ou transmissão de sinais, repetidoras, satélites, radares, etc.

Tem alto ganho e funciona em frequências muito altas que podem chegar a 300 GHz.

As antenas parabólicas podem captar sinais com baixa potência mesmo com uma abertura muita pequena, mas esse fato lhe possibilita grande direcionalidade, pois o disco parabólico direciona os raios recebidos paralelamente para um ponto chamado de foco, neste podem ser montadas antenas dipolo, dutos sintonizados, cornetas, etc.

Postagens relacionadas
  • Direcional Para 5.8 GHz
  • Teste de Módulos de RF
  • Módulos de RF 433 MHz
  • Celular Nos Confins
  • Bloqueadores de RF
  • As Ondas de Rádio
  • Posts mais acessados
  • Teste de Bateria (14140)
  • Antena Para Celular (11765)
  • Amplicador 60 W RMS (9414)
  • Os Gatos & Dúvidas (7961)
  • Ganhar na Loto Fácil? (5686)
  • Utilize a busca para encontrar o tema de seu interesse.
    Pense no meio ambiente antes de este link.   Dúvidas? Acesse o Fórum