Acionador de Fechadura

Quantas vezes se escutam aqueles ruídos característicos de fechadura eletrônica durante um dia?

São portas de residências, de estabelecimentos comerciais, portões de creches, enfim, praticamente em todo lugar é possível instalar uma porta com fechadura elétrica, exatamente aquela fechadura que é conhecida como fechadura eletrônica.

Por questões de segurança ou de praticidade, ou talvez as duas coisas, a fechadura elétrica é um componente que é instalado no interior da porta, e é o componente responsável por permitir abrir e fechar a trava da porta.

Uma fechadura elétrica, independente do modelo e da tensão necessária para travar ou destravar portas é dividida em quatro funções.

A função do mecanismo mecânico é responsável pela parte física de esforço, é a trava que mantem o bloqueio de uma lingueta que mantem a porta fechada.

A função elétrica é executada pelo mecanismo elétrico, essa função é pelo acionamento do motor interno que aciona as articulações mecânicas.

Aqui há um ponto a ser considerado, existem fechaduras com um pequeno motor elétrico que aciona o mecanismo de trava ou liberação da trava, e também existem as fechaduras com um solenoide que executa a mesma função do motor citado acima, ocorre que as fechaduras baseadas em solenoides atuam por campo magnético, ou seja, o pino (ou lingueta) de trava se movimenta para liberar a abertura da porta, sendo que na condição de espera a porta permanece travada.

O mecanismo eletrônico é o responsável por captar sinais dos sensores e enviar ao motor elétrico ou solenoide.

Na parte de automação, os sensores são responsáveis pelo monitoramento das articulações mecânicas.

Uma fechadura elétrica pode não estar no orçamento de muita gente, mas entender o funcionamento é interessante, além disso, muito ferro velho tem fechaduras elétricas descartadas justamente por faltar o circuito eletrônico que as faça funcionar corretamente.

É raro técnico que conserte fechadura elétrica, justamente por ser um eletricista que faz a instalação, não há como condenar o pobre eletricista, mas geralmente ele se torna parceiro descartando a parte mecânica da fechadura, e é aí que entra o projeto a seguir.

O circuito proposto tem como função controlar a abertura de portas de passagem a longa distância, ao contrário das opções que se vê no comércio especializado.

Imagine a porta fechada e alguém chegando, talvez você já tenha visto pelo sistema de monitoramento em vídeo, caso contrário, você irá perguntar quem é, se conhecer a pessoa aperta um botão e a porta se abre, se não conhecer basta ignorar que “o maldoso vai embora”.

Esse sistema é acionado pelo controle remoto da TV, do DVD player ou do controle do sistema de som da sua casa, basta apontar o controle para o foto transistor Q3 que é o sensor do circuito e a fechadura será acionada liberando a abertura da porta, não é chique?

O Q3 deve ficar dentro de um tubo escuro e que não receba a luz ambiente, apenas com o controle remoto apontado para o sensor é que o circuito aciona a fechadura elétrica.

O circuito é formado por duas portas NAND Schmitt Trigger de um CI 4093, os pinos 1, 2 e 3 são usados como oscilador, cuja frequência é definida através de C1, R3 e PT1, isto se faz necessário para economizar energia e permitir a abertura da porta entre o pulsar da lingueta que faz parte da parte mecânica da fechadura.

Os pinos 5 e 6 de uma das portas NAND Schmitt Trigger são usadas como reforçador para excitar um transistor do tipo BD139 (NPN), que por sua vez ativa e desativa o solenoide (ou motor) da fechadura.

A alimentação é 12 volts e isso significa que o motor interno da fechadura também deve ser de 12 volts, o mesmo ocorre em relação da opção por solenoide, em todo caso, procure saber a tensão de alimentação da fechadura antes de se aventurar.

Depois dos detalhes resolvidos, vamos ao funcionamento: faça o teste na bancada e só depois de tudo funcionando faça a instalação na porta.

Eletronicamente falando, o oscilador só funciona com as duas entradas da porta NAND em sinal alto, isso permite que o controle seja feito através de um foto transistor que irá polarizar o pino 2 do CI 4093, e só nessa condição o circuito oscila.

Se for desejado o efeito contrário, coloque R4 e Q3 e lugar de R5, e coloque R5 no lugar de R4 e Q3.

Não há ajustes de sensibilidade, o foto transístor Q3 é um TIL78 e deve ficar num tubinho escuro, pode ser um tubinho de caneta e apontar o controle remoto e apertar qualquer botão que a fechadura faz o barulho característico.

O esquema completo é mostrado na imagem abaixo.

ibytes_fechadura_eletrica

A placa de circuito impresso em tamanho real é sugerida e mostrada na imagem abaixo, as medidas são 6.8 x 6.8 cm.

placa_disparo_solenoide_

 

Depois de montado o circuito deve ficar igual a figura abaixo:

placa_vista_solenoide

 

 

 

 

 

 

 

Em SL1 são ligados dois fios, o fio vermelho é o +12 e o fio preto é o negativo, cuidado com  a polarização, uma ligação invertida poderá danificar a parte elétrica da fechadura, no caso de mais fios eles devem ser ignorados.